#htmlcaption #outrolink

 

Uma aposta que tem de ser permanente

 

Motivar e manter a motivação é a chave de sucesso para qualquer organização e hoje em dia este é um dos temas mais discutidos nas empresas. Felizmente, já todos se aperceberam que quanto maior for o índice motivacional da equipa, maiores serão os resultados alcançados, verificando-se desta forma uma maior rentabilidade dos processos, projetos e resultados pretendidos. 

 
 

Ao abordarmos os aspetos motivacionais, temos que ter em linha de conta que estes são vários. Embora tenha um peso importante, não será unicamente o fator remuneratório a levar em consideração mas antes todos os aspetos que se prendem com o grau de envolvimento e satisfação do colaborador no projeto em causa.

A construção do Cordão Umbilical Organizacional inicia-se no momento do processo de admissão, quando ambas as partes vinculam os seus interesses através de um acordo. A ideia é que os interesses dos envolvidos se perpetuem por bons e longos anos. Como tal, quanto mais duradoura for a relação entre ambos, maior deverá ser a resistência do cordão umbilical para que o envolvimento, satisfação e motivação entre as duas partes perdurem.

Quando o envolvimento das partes deixa de ocorrer ou é afetado momentaneamente, a resistência do cordão umbilical enfraquece e pode, em casos extremos, acontecer uma quebra. Este corte não representa necessariamente que uma das partes está pronta a caminhar sozinha, mas antes que o seu envolvimento deixa de ser o mesmo.

As Organizações ao longo do tempo vão alimentando a ideia de ter por certo determinado recurso e com o tempo esquecem-se que essa relação tem que ser alimentada e que esse alimento nada mais é do que a motivação/confiança do colaborador. Quando essa confiança termina será difícil voltar a repor os índices motivacionais anteriores.

Portanto, envolvimento, confiança e investimento são fatores essenciais para a manutenção dos níveis de motivação, que serão tão mais fáceis de gerir quanto mais esforços se fizerem no sentido de não quebrar o tal cordão umbilical. Até porque, e é um fator a sublinhar, uma vez quebrado esse laço o recurso torna-se menos rentável para a organização.


     

Calendário laboral Blanes 2017

Consulte Calendário Clique aqui

Blanes Gestão RH (vídeo)

Joomla inotur picma